quarta-feira, 27 de abril de 2016

Devaneios da Pedagogia: Autogestão


" Todo gestor é educador / Todo educador é gestor "


Para realizarmos qualquer atividade, de forma integral e com êxito é necessário estar presente no momento presente dedicando a esse tempo o que ele requer.

Imagem da internet
Na ação de educar é importante que o educador deixe para cada momento o que a ele cabe, deixando os pensamentos fora da atividade do trabalho. As contas a pagar, os conflitos emocionais ou familiares, e as demais preocupações que não dizem respeito a esse processo, não poderão ser resolvidos ou sanados mas com certeza atrapalharão o bom desempenho do educador se ocuparem seus pensamentos durante a aula.

É importante que o educador se prepare, considere a possibilidade dos imprevistos e busque cumprir seus objetivos, mesmo que adotando outros meios no percurso da aula.

É necessário que o educador assim como um administrador exercite essa auto gestão, programe seu tempo, elabore suas atividades e aprenda a gerenciar a si mesmo para um bom desempenho de suas atividades. Estar a frente de uma sala, de pessoas, de um grupo, requer envolvimento, disposição, comprometimento e propriedade, não sobre as pessoas, mas sobre a aula que vai aplicar.

Afinal, em todas as atividades em que passamos conhecimento, somos todos educadores e em toda a ação do educador há um gerenciamento no processo de aprendizagem.

- Anna Feitoza - 

segunda-feira, 18 de abril de 2016

As estações da alma ...

Imagem: arquivo pessoal
Parque do Ibirapuera

E a alma também precisa respeitar suas estações...
Deixar de ser verão agitado, acalorado, eufórico, festeiro, frenético, ansioso ... e se permitir ser outono com folhagem caindo, brisa fresca, tardes amenas e noites tranquilas.

Passar pelo inverno e se reservar, se poupar, se restringir, se cuidar, se introspectar numa preparação para florir numa nova primavera, com folhas frescas, flores coloridas e perfumadas exalando o perfume de uma alma renovada e pronta para encarar mais um clico da vida ...

Não há escolha: a vida tem que seguir ...

- Anna Feitoza - 

domingo, 3 de abril de 2016